top of page
  • feiradolivrochapeco

Um fruto da feira

Relato de experiência da professora Giovana Boicko



Sou Giovana Boicko, professora da rede pública estadual de educação de Santa Catarina, mestre em educação, doutoranda e escritora. Acredito muito no papel transformador da literatura na educação. Como professora da rede pública estadual, sempre acreditei na força transformadora da educação e no poder das palavras. Mas foi minha imersão profunda na literatura, alimentada por uma paixão desde criança, que me levou a explorar caminhos não apenas para aprimorar meu papel como educadora, mas também para transcender os limites tradicionais da sala de aula e fomentar o gosto pela leitura em meus alunos.


A chave para essa transformação foi um curso que realizei de como integrar a literatura na educação escolar, oferecido durante a Feira do Livro de Chapecó 2018. Esse evento não foi apenas um marco em minha carreira; foi um verdadeiro divisor de águas. Aprendi estratégias inovadoras para engajar os alunos com a literatura de maneira mais profunda e significativa, tornando a aprendizagem uma experiência viva e prazerosa. Foi graças a esse curso que desenvolvi habilidades que não só enriqueceram meu papel como professora, mas também em mim mesma, que me abriram as portas para o mundo da escrita. Inspirada pelos conhecimentos adquiridos e pela atmosfera vibrante da Feira do Livro, realizei um sonho antigo de ser escritora, escrevi meu primeiro conto de fadas. Essa nova aventura não apenas enriqueceu minha vida, mas também permitiu que eu servisse de inspiração e guia para os meus alunos de uma forma completamente nova.


A partir disso, o momento de maior orgulho em minha carreira veio quando consegui transformar não apenas um, mas cinquenta e dois dos meus alunos em escritores. Juntos, em 2023, mergulhamos no universo da criação literária, explorando nossas vozes únicas e compartilhando nossas histórias com o mundo. Este feito não apenas destacou o potencial ilimitado da educação e dos livros, mas também reafirmou a literatura como uma ferramenta poderosa para a expressão pessoal e transformação social.


Hoje percebo o quanto a Feira do Livro foi crucial em minha trajetória. Não apenas me proporcionou as ferramentas e o conhecimento para aprimorar minhas habilidades pedagógicas, mas também abriu portas para novas possibilidades criativas. A Feira do Livro não foi apenas um evento; foi o início de uma revolução pessoal e profissional.


Compartilho minha história com vocês, com a esperança de que possa inspirar outros educadores a buscar continuamente novas maneiras de integrar a literatura na educação, transformando, assim, não apenas suas próprias vidas, mas também as de seus alunos. Juntos, podemos construir um futuro onde a educação e a literatura caminhem de mãos dadas, criando um mundo onde cada aluno tem a oportunidade de se tornar um escritor, um sonhador, um agente de mudança.  

Dando continuidade à essa jornada de transformação, lançarei minha segunda obra literária no dia 27 de abril, durante a Feira do Livro. Este lançamento não será apenas um marco em minha carreira como escritora, mas também um testemunho do impacto duradouro que a Feira do Livro teve em minha vida profissional e pessoal.


Professora Giovana Boicko

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page